Posts

Missa penitencial e Solenidade de São José – 19 de março de 2021

Na missa penitencial desta sexta-feira, às 5h30, celebramos a festa de São José, grande santo, padroeiro e protetor da igreja.

Fomos convidados pelo Papa Francisco, através da Carta Apostólica Patris Corde “Coração de Pai”, a celebrar o “Ano de São José” e a conhecer melhor o pai adotivo de Jesus e a sua importância no plano salvífico de Deus.

“Foi crucial a aceitação de José para que o plano da Salvação de Deus pudesse ser realizado. A Sagrada Escritura não esconde as dificuldades pessoais que São José precisou enfrentar ao receber o anúncio de que sua futura esposa, sem ter contato com homem algum, estava grávida.

O Evangelho dá a José o título de justo (Mt 1,19), termo raríssimo e concedido a pouquíssimos personagens na Sagrada Escritura. Justamente porque equivale a palavra santo que, no Antigo Testamento, é um atributo reservado somente a Deus (Ecle 7,20). Isso revela muito sobre a integridade, os valores e a santidade de vida de José. Era um homem fiel à Lei, observador dos mandamentos e preceitos da Torah. Por isso, com sua obediência a Deus, escuta a voz do anjo e não teme em aceitar Maria como esposa e assumir o Filho de Deus como seu próprio filho.”

A Carta Apostólica Patris Corde e o Ano de São José são um convite a cada um de nós para conhecer e imitar aquele homem justo e santo, que mesmo sem compreender tudo, acolheu tudo.”

(Fonte: https://www.vaticannews.va/pt/igreja/news/2020-12/ano-de-sao-jose-presente-para-toda-igreja.html)

Curiosidade: Em hebraico, José significa “Deus cumula de bens”.

Em sua homilia, Pe. Vagner fez um paralelo entre os personagens Davi, na Primeira Leitura, Abraão, na Segunda Leitura, e São José que, ao receber a notícia da gravidez de Maria, fica perturbado mas, diante do anúncio do anjo, assim como os personagens da liturgia do dia, aceita, obedece e confia. Deus contou com essas figuras históricas, assim como conta também conosco, apesar de nossa fraqueza, para fazer a Sua vontade.

São José nos ensina muito, apesar de sua pouca aparição no texto bíblico. Assim também devemos ser, cumprir a missão que o Senhor nos dá, com confiança e sem esperar recompensa. Deus nos chama, nos fortalece e nos indica o caminho a seguir.

Que São José, em sua ternura, interceda por nós e por nossa igreja, neste tempo difícil que estamos vivendo, para que saibamos viver na fidelidade, obediência e confiança no Pai, deixando que Ele nos guie.

Ato de consciência coletivo com as obras de misericórdia corporais

“Sede misericordiosos como vosso Pai do céu é misericordioso” (Lc 6, 36).

“Quero misericórdia e não sacrifícios” (Mt 9, 13

“Bem-aventurados os misericordiosos, porque alcançarão misericórdia” (Mt 5, 7)

Acompanhe AQUI AS IMAGENS e faça o Exame de consciência, recordando as Obras de Misericórdia Corporais

Confira AQUI AS FOTOS

Eventos

Nothing Found

Sorry, no posts matched your criteria