Final de semana da padroeira, de canonização e de despedida

Hoje (13) a Paróquia do Verbo Divino homenageou o padre Francisco a partir de um Missa celebrada por ele. O vigário partirá para Juiz de Fora onde cuidará de sua saúde. Com quase todos os lugares da nave da igreja ocupados, a comunidade acompanhou a homília de Francisco atentamente: “Ontem foi a festa de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil, hoje teve a canonização de Irmã Dulce, que agora é chamada de Santa Dulce dos Pobres, e hoje é minha despedida. Conto com a oração de todos vocês e espero retornar a essa paróquia muito em breve. No Evangelho de hoje, de 10, apenas 1 leproso voltou para agradecer Jesus. E, assim como ele, eu também sou muito grato a todos vocês que me acolheram durante esses 2 anos que aqui estive, sou grato a Deus pelo dom da vida que Ele me deu”.

Emocionando aos que ali estavam, padre Francisco falou um pouco de sua família e de sua história: “meu pai era seminarista, depois de um tempo se tornou dentista, conheceu e casou-se com a minha mãe, que era farmacêutica. Ela teve 6 filhos, 1 médico, 1 farmacêutico, 1 pedagoga, 1 agricultor, 1 engenheiro e 1 padre, eu, que fui ordenado em 1975. 15 foram os ordenados, mas somente 4 foram para congregação do Verbo Divino. Naquele ano fui para o Brasil, onde fiquei 3 anos em Cruzes, que é o maior distrito do município de Panelas, em Pernambuco. Quero muito chegar aos 50 anos de sacerdócio.”

Agradecendo mais uma vez a todos, desta vez enfatizando as pastorais, o vigário elogiou muito a Festa Junina realizada esse ano. Ao final da celebração, uma Ave Maria foi rezada por ele, e foi homenageado e calorosamente aplaudido, além de ter feito o envio dos missionários concernente ao Mês Missionário Extraordinário instituído pelo Papa neste mês de outubro.

Veja mais fotos.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *