Posts

Feliz Aniversário, Pe. Vagner!

24 de janeiro de 2021, data festiva. Há exatos 45 anos nascia em Juiz de Fora – MG, o menino Vagner Uilson Apolinário. O menino cresceu e, com as bênçãos de Deus, foi designado para assumir, como Pároco, a nossa Paróquia do Verbo Divino.

Com a alegria da presença de seus pais, José Apolinário dos Santos e Maria Lôla Apolinário, Pe. Vagner presidiu a eucaristia concelebrada por Pe. Carlos, nosso vigário.

Em sua homilia, nosso pároco nos falou sobre o chamado que Deus faz a cada um de nós. Instruiu que, no passado, no Antigo Testamento, Deus chamou os patriarcas Abraão, Isaac e Jacó. Chamou os profetas e foi chamando homens e mulheres para serem instrumentos de Sua vontade no mundo, como os reis Davi e Salomão, como a rainha Ester, Judite e tantas outras pessoas que responderam, de acordo com suas possibilidades e de coração aberto, ao chamado que Deus lhes fazia.

No novo testamento, Jesus continuou chamando.  Chamou os discípulos para segui-lo e, ainda hoje, chama a cada um de nós.  Nos chama para estar junto a si e para ser instrumentos de Sua misericórdia, do Seu amor, da Sua vontade.

Jesus começa a Sua missão, anunciando o reino de Deus.  O tempo se cumpriu, convertei-vos e crede no evangelho.  O reino de Deus está próximo.  Essa frase, que sempre ouvimos na quarta-feira de cinzas, é um convite para que participemos do reino de Deus, que já começa com a vinda de Jesus à terra. Pe. Vagner reforçou que o caminho para viver esse reino é o Evangelho e, por isso, convertei-vos e crede no evangelho é um convite à vida nova.

Discorreu sobre a importância de que cada um de nós responda com um SIM ao chamado que Deus nos faz.  Deus nos chama para uma missão. Cada um de nós tem uma missão a realizar. É importante discernir qual a real vontade de Deus para nossas vidas.

O que Deus quer de mim, hoje? Qual é a resposta que devo dar à Deus, hoje? São questões que devemos ter em mente todos os dias ao acordar. Deus chama porque ama. E chama a cada um de nós. A Boa Nova do Evangelho que Jesus vem trazer é que Deus vem chamar a cada um de nós e a todos, bons e maus e espera uma resposta de conversão.

Diante de alguém que faz o mal, Deus diz:  que se converta, que mude o seu proceder e assim eu poderei salvá-lo. É assim que Deus faz com todos e conosco também. Quando fugimos da vontade de Deus, Ele espera pacientemente. Ele quer e espera a nossa conversão e sabe que podemos dar uma resposta positiva. Enquanto não respondemos, não nos salva. Deus é amor, mas exige de nós renúncia e conversão. Deus nos dá muito, mas também exige muito de nós!

Que tenhamos ânimo para dizer SIM a Deus. O louvemos porque nos ama e nos chama e Lhe peçamos a força e a coragem para sempre responder positivamente ao chamado que nos faz. É exigente, mas dizer SIM a Deus é o melhor presente que podemos nos dar. É o caminho para nossa felicidade, disse-nos o aniversariante, Pe. Vagner.

Ao final da celebração, o coordenador do Conselho Pastoral Paroquial, José Fernandes, proferiu palavras de felicitações e, pelas mãos do Sr. José Apolinário, foi entregue ao Pe. Vagner o presente em nome de toda a comunidade.

“Antes que no seio fosses formado, eu já te conhecia; antes de teu nascimento, eu já te havia consagrado, e te havia designado profeta das nações.” (Jr 1,5)

Confira AQUI AS FOTOS

Missa em ação de graças pelo primeiro ano da presença do Pe. Vagner em nossa comunidade – 12 de dezembro de 2020

Exulto de alegria no Senhor e minh’alma regozija-se em meu Deus (Is 61,10a)

Ontem, 12 de dezembro, dia da festa de Nossa Senhora de Guadalupe, a Padroeira da América e do México, foi também dia de festejar a presença do Pe. Vagner Uilson Apolinário, SVD, que completou um ano à frente de nossa Paróquia do Verbo Divino, como pároco, incardinado por Dom Sérgio da Rocha.

2020 certamente não foi um ano fácil para ninguém e não o foi, especialmente para esse enviado de Deus que chegou a Brasília no dia 6 de dezembro de 2019, cheio de esperanças, com um pouco de receio e algumas dúvidas sobre como exerceria, pela primeira vez, as funções de pároco, numa paróquia tão grande. Como iria animar os paroquianos e membros de nossa comunidade? Como ser testemunha da luz, numa realidade que desconhecia? Realmente, este foi um ano de muito aprendizado, impulsionado pelos desafios impostos pela pandemia de Covid 19, em que a igreja teve suas portas fechadas por determinação de decreto governamental, para que se evitasse a disseminação do vírus entre as pessoas.

Inquieto, Pe. Vagner logo buscou formas de estar junto à comunidade. Organizou, com o apoio de alguns paroquianos, uma extensa programação diária de oração das “Laudes”, pela manhã; oração do “Angelus”, ao meio dia; oração do terço da misericórdia, às 15h, com o movimento jovem da paróquia, pelo Instagram; oração do terço Mariano, às 18h, também pelo Instagram e a celebração diária da santa missa às 19h, pelo canal do Youtube.

Incansável e tomando todos os cuidados, não deixou seu rebanho sem a presença do Santíssimo Sacramento. No Domingo de Páscoa, 12 de abril, acompanhado do Ir. Luiz, do paroquiano Silber, e dos jovens Dayvidson e Leonardo e contando com o suporte do jovem Valter, saiu em procissão pelas quadras da Asa Norte, do alto de um carro de som fretado, sob sol forte e calor intenso. Quem não se lembra dessa emoção?

Quando as igrejas foram liberadas para abrir as portas a um número limitado de fiéis, rapidamente organizou a igreja, tomando todas as medidas preventivas necessárias ao combate do coronavírus, triste, porém, por não poder permitir o acesso dos paroquianos maiores de 60 e menores de 12 anos.

Pouco a pouco as restrições foram diminuindo e a comunidade pôde, então, se reunir novamente para participar das celebrações, sempre orientada diariamente pelo Pe. Vagner quanto a manutenção do distanciamento e das medidas de autocuidado, como a utilização de máscaras, álcool-gel, medição de temperatura, entre outras.

Pe. Vagner iniciou sua homilia, saudando seus confrades Pe. Carlos e Pe. Ronaldo, que concelebraram a Eucaristia. Convidou a comunidade para participar da missa de envio missionário do Pe. Ronaldo ao Japão, no dia 27 de dezembro, na festa da Sagrada Família, às 10h.

Agradeceu a Deus pela oportunidade de estar em nossa comunidade e poder exercer o seu mister de pastor, que é cuidar das ovelhas.

Exortou os fiéis a estarem sempre alegres e instruiu que, neste tempo do Advento, a alegria é manifestada na liturgia, na cor rósea que substitui o roxo, para falar que nossa espera é uma espera alegre, pois o Senhor vem para salvar, vem para transformar vidas, vem para transformar o mundo, começando por nós!

Nosso pároco frisou que devemos nos preparar para a vinda do Senhor, buscando a renovação interior e, a partir daí, transformar o mundo. É preciso que estejamos alegres porque o Senhor vem a nós. Ele nos fortalece para enfrentar nossas dificuldades e nossas escuridões. Ele é a luz!

É importante darmos testemunho da luz em qualquer lugar em que estejamos, seja no ambiente familiar, de trabalho, de estudo ou de lazer.

Pe. Vagner, não temos dúvidas, durante todo esse ano, o senhor tem sido testemunha e dado testemunho da luz, cuidando, orientando e pastoreando as ovelhas de seu redil!

Uníssona, a comunidade agradece e roga a Deus, que assim o senhor continue e seja fortalecido em sua missão.

Confira AQUI AS FOTOS

Eventos

Nothing Found

Sorry, no posts matched your criteria